O Céu de Santo Amaro

“Bimba birimba a mim que diga Taco de arame, cabaça, barriga” (Meia lua Inteira – Caetano Veloso)

O CÉU QUE DESPERTOU uma paixão em um dos maiores ícones da música brasileira, Caetano Veloso, está em uma cidade simples, com um crescimento comum de pessoas incomuns. Santo Amaro abriga como filhos não só Caetano, mas sua irmã Maria Bethânia e sua mãe Canô. Por mais que eles não se sintam a cara da cidade é indiscutível que caminhar por aquelas ruas estreitas, com arquitetura clássica mesclada com a modernidade de casas e lojas mais requintadas você não se lembre da primeira música composta por Caetano “Força Estranha”. Imagina-se onde ele viu o menino correndo e quem foi à grávida que o fez sentir o tempo parar.

A FORÇA DE UM ARTISTA é julgada ao chegar a Santo Amaro e ter uma conversa informal com Dona Canô. Aquela senhora simpática de 101 anos e uma lucidez invejável nos faz caminhar pensando em como uma família de poetas transforma uma cidade e um povo. Santo Amaro se transformou na terra dos Veloso, e com muito orgulho obrigado. Ali as pessoas se vangloriam pela poesia que são seus largos e suas praças. A energia, a força estranha no ar ainda existe, a cidade foi imortalizada na voz e na genialidade de seu povo.

FONTE DE INSPIRAÇÃO E ARTE, Santo Amaro é um cidade gostosa de passar uma tarde com amigos, sentir o vento e o clima interiorano. A Bahia orgulha-se de suas praias e seus faróis soteropolitanos, mas não esquece a graça e a beleza de suas cidades pequenas. O prazer de estar ali de imaginar as ruas que foram palco de grandes clássicos e poesias. Aquele céu de estrelas reluzentes no meio do recôncavo baiano, no nordeste do Brasil.

OS OUTROS FILHOS DA TERRA como Amélia Rodrigues, escritora e Zilda Paim, historiadora também compõem o universo santo-amarense. Mas esta peculiaridade que Santo Amaro goza por ser a terra de Caetano – nome por várias vezes repetido – termina ofuscando as outras distrações da cidade. É claro, depois que a euforia passa você é tentado com outras belezas, como a igreja da Matriz que é um arraso arquitetônico, a câmara municipal, o museu e o teatro. Como já foi dito, ali até a poeira é poética, os cachorros supõem-se felizes. “A cidade é linda…”.

RAQUEL PIMENTEL e JANA CAMBUÍ

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma resposta para “O Céu de Santo Amaro

  1. Toni

    Muito boa… ‘Top’ da 3ª edição do ComArt. Parabéns meninas!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s